Como é a vida de quem não tem mais catarata

Você que tem catarata ou já teve algum dia sabe como é ruim o uso constante de óculos e mesmo os gastos. Portanto, o tratamento para catarata é o desejo e necessidade de inúmeras pessoas que sofrem com essa doença.

Tendo isso em mente, preparamos esse tópico que traz um pouco sobre como é a vida de quem não tem mais catarata. Sendo assim, acompanhe conosco e repense na possibilidade de se livrar da sua catara o mais rápido possível.

A libertação

Muitas vezes você se sente desatento(a) e/ou mesmo está com pressa e acaba esquecendo que você precisa de óculos para enxergar. Sendo assim, acaba entrando numa prisão dependente de um objeto que lhe dá a visão.

E apesar de serem seus maiores aliados, eles são muito incômodos e muitas vezes impossibilitam que você faça algumas coisas. Além disso, esquecer desse objeto pode ser um pesadelo tremendo para o seu dia.

Após fazer os tratamentos de catarata, quem os fez se sente na liberdade de ter uma preocupação a menos em sua vida. Sobretudo, você não se tornará mais dependente de ter sua visão que antes era dada por um objeto.

Os gastos

Os temíveis gastos das trocas periódicas dos óculos e também de danificações nos seus óculos são extintos. Portanto, após os procedimentos da remoção da catarata, seus gastos praticamente obrigatórios serão descartados.

As lentes definitivamente não são baratas, e os valores aumentam cada vez mais de acordo com suas necessidades. Com isso, você acaba deixando de lado alguns prazeres da vida para poder optar por ter um óculos.

Pequenos detalhes que atrapalhavam

Além dos problemas grandes que são os gastos e a simples necessidade de lembrar do óculos, temos também pequenos detalhes. Portanto, são detalhes que você provavelmente irá se identificar ou lembrar:

  • Óculos embaçando o tempo todo;
  • Levar a mão de forma desintencional na lente;
  • Não poder deitar de lado, pois prejudica a armação;
  • Perder uma parte do campo de visão;
  • Tirar o óculos para tomar banho e ficar “cego(a)”;
  • Se incomodar com qualquer mancha ou pelo na lente;
  • Ter dificuldade de utilizar adereços no rosto;
  • Dificuldade de se maquiar com e sem os óculos.

Vários outros momentos são notados no dia a dia, todos em que a catarata atrapalhava gerando borrões na sua vista. Além disso, o simples fato de não conseguir identificar as pessoas na sua frente já era algo muito ruim.

Como então me livrar da catarata?

Existem cirurgias simples para catarata, de forma comum (facoemulsificação) ou a laser. Com isso, ambas as cirurgias funcionam de forma rápida em que quebram a “película” que recobre a íris dos olhos.

A cirurgia comum funciona a partir de pequenas incisões nos olhos, as quais irão repartir o cristal opaco formado na íris. Após isso, são aspiradas as minis partículas desse cristal e então a visão se torna normal outra vez.

Já a cirurgia feita a laser conta com a tecnologia aliada a redução de complicações e também ao tempo. Portanto, essa cirurgia não realiza incisões e as partículas são quebradas a partir de um laser quente, depois aspiradas.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *